A cantora Marília Mendonça não se calou e saiu em defesa do motoboy vítima de racismo

O caso aconteceu no dia 31 de julho, mas só repercutiu após a mãe do jovem de 19 anos publicar o vídeo do crime nas redes sociais na noite da última sexta-feira (07).

As imagens feitas por um morador de um condomínio de luxo no interior São Paulo mostram um homem branco xingando e humilhando um entregador de aplicativo negro por causa de um atraso na entrega e um boletim de ocorrência para investigar o crime de injúria racial foi aberto na delegacia da cidade.

Marília Mendonça saiu em defesa do motoboy Matheus Pires, que foi alvo de ofensas racistas. Em uma das publicações sobre o assunto, o jornalista Reinaldo Gottino tenta justificar a atitude do agressor. 

“Rapaz tem problemas mentais, informou o delegado que recebeu os laudos médicos”, escreveu o apresentador.

Mas a rainha da sofrência não se conformou e condenou a atitude do rapaz.

“Todo racista tem problema mental e de caráter. Não é por isso que ele não tenha que pagar”, respondeu a cantora.

No Twitter, ela também compartilhou uma mensagem de apoio ao jovem.

 

WhatsApp chat